O Canal de notícias da Webmotors

Últimas Notícia

BMW i Vision Dynamics é mostrado em Frankfurt

Conceito apresenta o design do sedã elétrico i5, que será lançado em 2021

  1. Home
  2. Frankfurt
  3. BMW i Vision Dynamics é mostrado em Frankfurt
Redação WM1
Compartilhar
    • whats icon
    • bookmark icon

A BMW deixa cada vez mais clara sua intenção de ser um player sério no crescente mercado de veículos híbridos e elétricos. Depois de lançar o facelift e uma nova versão esportiva do i3, a alemã apresentou oficialmente no Salão de Frankfurt o que virá a ser o terceiro modelo da sua linha de modelos “do futuro”, o conceito i Vision Dynamics.

O carro que vemos nas fotos é inspirado em outro conceito, o Vision Next 100, que serviu para dar um vislumbre do que a marca enxerga para si a longo prazo. Acontece que ele foi tão bem recebido que a direção da marca incumbiu o chefe de design, Adrian Van Hooydonk, de criar algo que vire realidade em até 5 anos. E ele criou.

O i Vision Dynamics é o conceito que, daqui 5 anos, será produzido e (especula-se que será) batizado de i5, o sedã médio elétrico da marca, que assumirá o lugar do Série 5 (de combustão interna, antiquado) na disputa de clientes com o Tesla Model S. Sim, essa é a ambição da BMW. Encarar de frente a maior pioneira no desenvolvimento de tecnologia para veículos movidos 100% por eletricidade.

046.jpg
icon photo
Legenda: 046.jpg
Crédito: 046.jpg

E, pelo que temos visto, o i5 tem plenas condições de fazer o Model S “suar”. A começar pelo know-how adquirido com a produção dos modelos i3 e i8, que permitiu à marca desenvolver soluções focadas no desenvolvimento de carros “sustentáveis” (materiais, processos de produção etc.) Além disso, sabemos que sua plataforma será a KLAR, que a marca já utiliza nos atuais Série 5 e 7, e nos últimos conceitos apresentados, Série 8, Z4 e X7.

O seu ponto forte, no entanto, é a autonomia. A alemã informou que suas baterias permitirão que o carro rode até 600 km entre cargas completas, isso se tratando de um “kit” (baterias e seu invólucro) de apenas 10 cm de altura. Em modelos mais altos, como SUVs, esse kit poderia ser mais alto, permitindo uma autonomia ainda maior.

Até 2021, podemos imaginar que outras montadoras também estarão levando o mercado de elétricos mais a sério. Mas a BMW tem demonstrado isso hoje, e quem tem mais motivos para se preocupar é a Tesla.

Comentários